Epistemologia Junguiana – Psicologia Analítica


Carl JungNa minha disciplina de Epistemologia da Psicologia, um dos grupos fez o trabalho sobre alguns valores e pressupostos epitemológicos da Psicologia Analítica. Como esse grupo fez em formato digital e me enviou para avaliação, resolvi disponibilizá-lo aqui para consulta, para quem se interessar pelo tema. Para quem não conhece, Epistemologia é a teoria do conhecimento, como construímos o conhecimento e como sabemos do conhecimento. Este trabalho ilustra um pouco disso na forma de um cartaz, mostrando alguns dos pontos estudados.

Se gostaram, deixem seus comentários abaixo!

Para melhor vizualização, sugiro acompanhar a apresentação em tela cheia!

Comments (3)

  1. Julio Ito

    Bem interessantes essas bases epistemológicas da psicologia analítica.

    Pablo, um tema que me chama muito a atenção em Jung é o do processo de individuação. Qual literatura você recomendaria para uma pessoa que quer se aprofundar nesse tema?

    Abraços.

  2. […] a ponto de eu achar melhor colocá-lo como um post independente. Desta vez, o leitor Julio Ito fez uma pergunta deveras interessante em um post recente, sobre uma questão teórica da psicologia junguiana – ao contrário de outros comentários […]

  3. […] como imorais e pecaminosos (não à toa Jung usa esses termos em seu livro na citação acima, pois Jung também é “fruto de sua época”). Por isso, a aceitação de argumentos naturalistas contra a homossexualidade reflete justamente a […]

Deixe um comentário