Archives for : Psicologia e Sociedade

Não existe voto útil, só eleitor mal informado


Como votar?Em épocas de eleição, vale a pena escrever sobre isso, pois em qualquer outro momento do ano esse tipo de conversa fica deslocada e corre o risco de se perder no vazio.

Existem vários temas falados pelas pessoas sobre as eleições em si – sem entrar no mérito dos candidatos (irei tratar sobre isso em outro post) – que são mais desinformações do que informações. Vou aqui fazer a minha parte para ajudar nisso. Sei que a quantidade de leitores do meu blog não é suficiente para ser um grande formador de opinião, mas se eu conseguir mostrar isso a pelo menos um pequeno grupo de pessoas que poderá repassar essa informação, sentirei-me satisfeito.

Uma das questões que mais me incomoda quando ouço pessoas falarem sobre eleições é a tal questão do “voto útil”, ou seja, o voto da pessoa tem que valer pra alguma coisa, por isso ela vota em quem tem mais chances de ganhar. Temos aqui dois problemas sérios: o primeiro deles é que a escolha acaba ficando desproporcional à vontade da população e caímos no risco de escolhermos diretamente um candidato que não queremos.

Continue Reading >>

A culpa é da culpa


Culpa não existe. Culpa é um sistema criado para manipulação das massas. Se você sente culpa por alguma coisa, qualquer coisa, parabéns, você faz parte de uma massa manipulada por alguém! E enquanto isso, você se distancia de ser alguém de verdade e continua sendo mais um peão nesse jogo.

Mas eu sinto culpa e esse sentimento é real! Não é uma invenção, uma manipulação.

A culpa é sua!É sim. O que prova que você foi tão manipulado que não consegue pensar diferente. Mas se a culpa é um sentimento real e manipulado ao mesmo tempo, só existe uma explicação: sentimos algo que aprendemos a chamar de culpa, que não é culpa. É engraçado que existem sistemas e teorias inteiras baseadas no conceito de culpa, que só servem para propagar essa enganação. O sistema legal é uma delas, por exemplo. A teoria psicanalítica utiliza de conceitos de moralidade e culpa também. E quem as ouve e acredita nisso só está se enterrando mais nesse pântano.

Continue Reading >>